Junte-se a nós! O Palco Principal é uma rede social de música onde os artistas, os ouvintes e os profissionais do mundo da música se encontram. Saiba mais aqui!
 
 
 
 
 
 
 
 

Musescore: software de partituras gratuito, agora em português

 
17.02.2010 - 01:02

Seguindo uma tendência mundial de programas gratuitos, o software livre MuseScore é uma ótima opção para editoração de partituras e cifras,  atendendo à maior parte das necessidades dos músicos amadores ou profissionais.

Sem ser tão complexo como o Finale ou Sibelius, mas com comandos muito semelhantes, o MuseScore é um ótimo substituto do extinto Encore.

Softwares desta categoria são produtos que evoluíram muito na última década e, atualmente, representam com fidelidade todas as complexas grafias que um músico necessita. Alguns chegam a custar mais de US$ 500 dolares e, na maior parte das vezes, acabamos não utilizando mais do que 20% das suas funções. Desta forma, muitos músicos acabam se arriscando ao comprar cópias ilegais, que podem ainda conter vírus ou não funcionar direito.

O Musescore foi criado com bases de código aberto, ou seja, as pessoas podem ajudar, colaborando nas melhorias e relatando bugs.

O programa já está disponível em 20 idiomas, em versões para Windows, Mac e Ubuntu. No final do ano passado, foi lançada a versão em português, o que é uma grande vantagem para músicos com dificuldades na língua inglesa.

O menu de opções é bem completo. O atalho «N» dá inicio à inserção de notas, que pode ser realizada com o mouse, teclado midi, outros atalhos, ou simplesmente escolhendo a figura rítmica desejada e clicando nas letras correspondentes às cifras em seu teclado.

O programa ainda indica com alertas coloridos quando você estiver fora da tessitura do instrumento. A quantidade de pentagramas é ilimitada. Utilizando a função «Quebras», é possível dividir a página ou o pentagrama facilmente onde você queira, bastando para isso arrastar o ícone verde dentro do compasso. Também a função «Break 4» ajusta o pentagrama selecionado em quatro compassos.

Clicando em «Display» e depois em «Palettes», atalho «F9», você tem acesso a mais de 20 funções, tais como símbolos de dinâmica, fórmulas de compasso, articulações, sinais de repetição, dedilhados, acidentes e muito mais. A maioria das funções segue o padrão clicar e arrastar, tornando muito intuitivo o seu uso.

Instalámos a versão MuseScore 0.9.5 num PC com sistema operacional Windows XP service Pack 3 e o programa rodou perfeitamente, sem nenhuma dificuldade. Duas características desse software ajudam a descomplicar a utilização do programa: a facilidade de localizar suas funções e a vantagem de haver um manual online em português. Facilidade  também na hora de salvar seus projetos com inúmeras opções disponíveis, tais como WAV, PS, PDF e Midi, entre outras.

Só  encontrámos alguma dificuldade na hora de escolher o andamento. Na versão 0.9.5, os limites de utilização ficam restritos entre 60 BPM e 300 BPM. Poderia haver opção para andamentos mais lentos. Ainda faltou um metrônomo, que é muito útil. Esses são pontos muito importantes, que poderão ser melhorados nas próximas versões.

Na média geral, o MuseScore agradou bastante: é simples, tem visual bacana e você poderá editar sua partitura rapidamente, seguindo uma rotina básica de comandos ou com a ajuda do manual, que é bem explicado e sem muitas frescuras.

Recentemente foi disponibilizada para testes uma nova versão 0.9.6 Beta.

Assista abaixo a um vídeo demonstrativo deste novo e importante produto musical:


Demma K.

 

 
 
Comentar Facebook Twitter Myspace Partilhar

Tags

Comentários

Entra com os teus dados para comentares! Ainda não estás registado no Palco Principal? Cadastre-se aqui!
O seu comentário é importante. Deixe aqui a sua opinião!


Ver mais artigos

Torne-se nosso fã no Facebook! :-)